Principais perguntas que estrangeiros me fazem sobre o Brasil

Acredite se puder, mas é muito comum estrangeiros terem ou entenderem algo como um padrão em relação a um país. E isso é normal, mas muitas vezes engraçado. Pensando nisso, resolvi criar este artigo com as principais perguntas que os gringos me fizeram sobre o Brasil, com base no meu convívio com outras nacionalidades, é claro. Porém, preciso dizer que já perdi as contas de quantas vezes tive que responder, tenho fogão em casa, utilizamos papel higiênico, não tenho macacos, temos internet e que a Amazônia não é todo o país.

Estados Unidos da América e Brasil
Imagem/Reprodução: Travel + Leisure

Apesar de muita gente saber mais sobre o nosso Brasil, especialmente depois da Copa do Mundo e das Olimpíadas, que atraíram um número enorme de turistas, alguns estrangeiros ainda ficam confusos. Mas antes, quero deixar claro que a ideia deste artigo é apenas entreter e mostrar algumas curiosidades, de forma alguma quero aparentar estar julgando alguma nacionalidade ou pessoas.

– No Brasil, vocês falam Espanhol?

Essa pergunta é clássica e certamente muitas pessoas, em especial quem fez ou está fazendo intercâmbio vai passar. O nosso idioma é bem próximo do Espanhol. No meu caso, eu também falo Espanhol, mas explico que nosso idioma nativo é o Português Brasileiro, devido a colonização portuguesa, marcado pelo período histórico no Brasil. Alguns dizem que é a mesma coisa… Mas não é.

– Enterram as pessoas no dia seguinte?

Calma! Lógico que depois da pessoa morrer, não no contexto de enterrar ninguém vivo caro leitor. Mas sim, isso é uma coisa interessante e que até o momento nunca tinha parado para analisar, no Brasil quando uma pessoa vem a falecer, ela será enterrada em até 24 horas após o ocorrido. Em outros países, esse processo pode levar dias, até para comunicar os familiares e amigos próximos. Neste caso, os estrangeiros acham curioso como tudo “se resolve” de maneira bem mais rápida por aqui.

– Juan, você conhece Jesus? Já viu ele?

Quando um americano me fez essa pergunta, no momento eu não entendi o significado, simplesmente. Pode até parecer engraçado, mas eu realmente não conseguia entender o contexto. Poucos minutos depois, compreendi que ele se referia ao Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, por sinal no Estado onde eu moro atualmente (no momento que escrevo esse artigo). É…

Estados Unidos da América e Brasil
Imagem/Reprodução: Travel + Leisure

– Você é bom de futebol e samba, certo?

Errado! Eu sou péssimo em futebol e samba então, deixa quieto, haha 😀 Eu até entendo a razão dessa pergunta, pois o nosso Brasil é muito conhecido no mundo por conta do futebol e principalmente das grandes festas de Carnaval com o Samba. Por sinal, fica aqui uma curiosidade: eu não gosto de Carnaval, mas respeito quem gosta, okay?

– Você fala brasileiro? Né?

Complementando o primeiro item, alguns pensam que nosso idioma é “Brasileiro”. Me vem logo o pensamento “Vocês falam americano?”… Brincadeiras à parte, é compreensível, pois alguns realmente sabem que no Brasil o idioma nativo não é o Espanhol, então na dúvida, eles tentam… 🙂

– A capital do Brasil é o Rio. Correto?

Já foi há muitos anos atrás, mas hoje não é. Essa pergunta não é totalmente estranha e faz um pouco de sentido, mas vamos acertar as coisas de uma vez por todas: a capital do Brasil é Brasília. 😛

– Você vê macacos nas ruas, Juan?

Pois é… Eu já recebi essa pergunta várias vezes. Na mesma situação sobre Jesus e o Rio de Janeiro, no início eu demorei para entender a razão da pergunta. Mas nesse caso, até hoje eu ainda não entendi, se alguém souber deixem nos comentários haha 😀

Juan de Souza

Tenho 20 anos, sou empresário, blogueiro, streamer, podcaster, entre outros. Meu primeiro empreendimento foi aos 10 anos, usando conexão discada com 50 kbps.